Recursos dos clientes para o COVID-19

Esta página será atualizada continuamente. Ultima atualização: 31 de Março, 2020
Consulte-a regularmente para acessar novas informações.

Mensagem importante para os clientes da IDEXX no Brasil

Compreendemos que o coronavírus (COVID-19) é uma prioridade para você e seus clientes. Embora a situação seja extremamente dinâmica, a IDEXX se compromete em proporcionar a você os produtos, serviços e o suporte que você confia. Como líder global em diagnósticos veterinários, estamos monitorando a situação rigorosamente, tanto da perspectiva clínica quanto da operacional.

  • Estamos bem posicionados para manter os suprimentos e serviços, e estamos trabalhando nos bastidores para garantir que sua experiência IDEXX continue conforme o esperado.
  • Também estamos monitorando atualizações e orientações do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos e da Organização Mundial da Saúde (OMS) para nos mantermos a par das informações mais recentes e, assim, manter nossos clientes e funcionários seguros.

Alguma dúvida?

Entre em contato com o atendimento ao cliente

Informações sobre saúde pública e outras questões não relacionadas a clientes: Clique aqui.

Respostas para perguntas comuns

Os coronavírus são uma grande família de vírus que consiste de vários subgrupos de vírus comumente encontrados em humanos e outros mamíferos, além de aves e répteis. Os coronavírus receberam esse nome devido às proteinas presentes na sua superfície (espículas de superfície), que formam uma espécie de coroa – ou corona, em latim. As infecções por coronavírus em animais são, em geral, provocadas por coronavírus alfa, como o coronavírus entérico felino.

O vírus SARS-CoV-2, que causa a COVID-19, é um coronavírus específico que infecta o trato respiratório humano, sendo diferente dos coronavírus identificados anteriormente em infecções de pacientes humanos ou veterinários. Os coronavírus são uma grande família de vírus que consiste de vários subgrupos de vírus comumente encontrados em humanos e outros mamíferos, além de aves e répteis.

A doença Coronavírus (COVID-19) foi detectada pela primeira vez na China, com um surto que teve início na cidade de Wuhan. Essa doença é provocada por um novo cornonavírus denominado SARS-CoV-2, e acredita-se que ele tenha se originado em morcegos.Desde o seu aparecimento no fim do ano de 2019, a COVID-19 se espalhou pelo mundo.

Segundo relatos da Associação Médica Veterinária Americana (American Veterinary Medical Association, AVMA), “especialistas em doenças infecciosas e várias organizações de saúde animal e humana nacionais e internacionais concordam que não há evidências neste momento indicando que animais de companhia possam contrair COVID-19 ou transmiti-la a outros animais, inclusive pessoas”. As principais autoridades sanitárias não recomendam testar animais de companhia para o vírus da COVID-19, uma vez que ele é essencialmente transmitido de pessoa para pessoa. 

A IDEXX avaliou milhares de cães e gatos durante a validação de um teste diagnóstico veterinário para a Doença pelo Coronavírus 2019 (COVID-19) e não encontrou resultados positivos para a presença do vírus SARS-CoV-2 (a cepa de coronavírus responsável pela pandemia de COVID-19 em humanos) em animais de companhia. As amostras usadas no desenvolvimento e na validação do teste foram obtidas a partir de amostras enviadas aos Laboratórios de referência IDEXX para painéis de diagnóstico por PCR. 

Para cães e gatos que apresentam sintomas respiratórios, a recomendação é procurar um veterinário e realizar testes para patógenos respiratórios mais comuns.

A IDEXX não dispõe atualmente de um teste para o vírus SARS-CoV-2, que causa a COVID-19. Segundo o parecer atual de especialistas, a COVID-19 é transmitida essencialmente de pessoa para pessoa, reafirmando a recomendação das principais autoridades sanitárias de não testar animais de companhia para esse vírus. Caso as principais autoridades sanitárias declarem ser clinicamente relevante testar animais de companhia para o vírus SARS-CoV-2, a IDEXX está pronta para disponibilizar o teste SARS-CoV-2 (COVID-19) RealPCR™ para comercialização.


A IDEXX avaliou milhares de cães e gatos durante a validação de um teste diagnóstico veterinário para a Doença pelo Coronavírus 2019 (COVID-19) e não encontrou resultados positivos para a presença do vírus SARS-CoV-2 (a cepa de coronavírus responsável pela pandemia de COVID-19 em humanos) em animais de companhia. As amostras usadas no desenvolvimento e na validação do teste foram obtidas a partir de amostras enviadas aos Laboratórios de referência IDEXX para painéis de diagnóstico por PCR. Continuaremos a monitorar a COVID-19 e a saúde dos animais de companhia por meio da nossa rede de Laboratórios de referência IDEXX à medida que essa situação progride.

Para cães e gatos que apresentam sintomas respiratórios, a recomendação é procurar um veterinário e realizar testes para patógenos respiratórios mais comuns.

Os coronavírus são uma grande família de vírus que consiste de vários subgrupos de vírus comumente encontrados em humanos e outros mamíferos, além de aves e répteis. Os coronavírus que comumente provocam doença respiratória ou gastrointestinal em nossos pacientes veterinários são os coronavírus alfa. 

O Painel Respiratório RealPCR (Abrangente) - Canino da IDEXX contém o teste IDEXX RealPCR para o coronavírus respiratório canino. O coronavírus respiratório canino contribui para o complexo respiratório infeccioso canino (também conhecido como traqueobronquite infecciosa canina, ou “tosse dos canis”). Esse painel não detecta o vírus SARS-CoV-2, que causa a COVID-19. 

Os Painel Diarréia RealPCR (Abrangente) da IDEXX contêm os testes IDEXX RealPCR™ para coronavírus entérico de cães, gatos, equinos e furões. Os coronavírus entéricos podem causar infecções intestinais e diarreia, principalmente em animais mais jovens. Esses painéis não detectam o vírus SARS-CoV-2, que causa a COVID-19. 

O Vírus da PIF RealPCR Teste da IDEXX (complemento do Teste de Coronavírus Felino RealPCR) detecta as mutações mais comuns que provocam peritonite infecciosa felina (PIF), decorrente de uma mutação do coronavírus entérico felino que resulta em doença inflamatória sistêmica grave, geralmente fatal. Esse teste não detecta o vírus SARS-CoV-2, que causa a COVID-19. 

O teste de anticorpos contra IBV da IDEXX detecta coronavírus gama. O vírus da bronquite infecciosa aviária (infectious bronchitis virus, IBV) provoca uma doença viral altamente contagiosa em galinhas que geralmente se manifesta como doença respiratória. Esse teste facilita o monitoramento do estado imunológico em grandes rebanhos. Esse teste não detecta o vírus SARS-CoV-2, que causa a COVID-19.

O teste RealPCR TGEV RNA Mix da IDEXX testa coronavírus entéricos em suínos. Os surtos graves de coronavírus entéricos, caracterizados por diarreia aguda e de rápida disseminação, são uma ameaça para rebanhos de suínos em todo o mundo. Esse teste não detecta o vírus SARS-CoV-2, que causa a COVID-19.

O teste de antígeno Rota-Corona-k99 da IDEXX é um ensaio de imunoabsorção enzimática (ELISA) que diferencia infecções por rotavírus, coronavírus e E.coli por meio da detecção de anticorpos. Os coronavírus bovinos podem causar diarreia em bezerros. Eles também podem provocar disenteria de inverno com diarreia sanguinolenta, sinais respiratórios leves e redução da produção no gado adulto. Esse teste não detecta o vírus SARS-CoV-2, que causa a COVID-19.
 

IDEXX não encontra casos de COVID-19 em animais de companhia

A IDEXX avaliou milhares de espécies de cães e gatos durante a validação de um novo sistema de testes para o vírus COVID-19, e não encontrou resultados positivos em animais de companhia até o momento. Leia mais abaixo.

Comunicado à imprensa: Empresa líder em diagnóstico veterinário não encontra casos de COVID-19 em animais de companhia

White Paper (Estudo): IDEXX SARS-CoV-2 (COVID-19) RealPCR Test

Recurso de diagnóstico: Atualização de diagnóstico de Coronavirus, Março de 2020