Pregnant dairy cow feeding in barn

Testes de prenhez Alertys

Estabeleça um protocolo para eficiência reprodutiva com precisão superior.

  • Reduza os dias em aberto, aumente a produção e melhore a saúde do rebanho com resultados rápidos e precisos.
  • Nossos testes de prenhez baseiam-se na detecção de um painel de glicoproteínas associadas à prenhez (PAGs), produzidas somente na presença de um embrião ou feto.
  • Os testes Alertys no sangue e no leite oferecem opções versáteis com resultados rápidos 28 dias após o cruzamento.
     

Entre em contato conosco

Teste com confiança

Graphical representation of a milk sample for Alertys Milk Pregnancy Test

Teste de prenhez no leite Alertys

O Teste de prenhez no leite Alertys é um ensaio imunossorvente ligado a enzima (ELISA) para a detecção de PAGs em amostras de leite.

Ver produto

Graphical representation of a blood sample for Alertys Ruminant Pregnancy Test

Teste de prenhez Alertys para ruminantes

O Teste de prenhez Alertys para ruminantes é um ensaio imunossorvente ligado a enzima (ELISA) para a detecção de PAGs no soro ou plasma (EDTA).

Ver produto

Graphical representation of the plate for the Alertys Rapid Visual Pregnancy Test

Teste rápido de prenhez com leitura visual Alertys

O Teste rápido de prenhez com leitura visual Alertys é um ensaio imunossorvente ligado a enzima (ELISA) para a detecção de PAGs em amostras de sangue total (EDTA), plasma (EDTA) ou soro. Esse teste pode ser realizado sem nenhum equipamento laboratorial, em < 30 minutos por série.

Ver produto

Qual teste devo usar?

Escolha o teste Alertys correto para o seu rebanho


Vacas e novilhas leiteiras 

Escolha um dos testes abaixo de acordo com a amostra de sua preferência
 
Teste de prenhez no leite Alertys
Teste de prenhez Alertys para ruminantes 
Teste rápido de prenhez com leitura visual Alertys
Tipo de amostra

Leite

Sangue Sangue
Local do teste
Laboratório Laboratório

Na fazenda
Na clínica

Por intervenção do seu veterinário

Números das peças
99-41209 (5 fitas)
99-41519 (30 fitas)
99-41169 (5 fitas) 99-41369 (2 fitas)

Gado de corte (e novilhas leiteiras para reposição)

Escolha um dos testes abaixo de acordo com a amostra de sua preferência
 
Teste de prenhez Alertys para ruminantes 
Teste rápido de prenhez com leitura visual Alertys
Tipo de amostra
Sangue Sangue
Local do teste
Laboratório

Na fazenda
Na clínica

Por intervenção do seu veterinário

 

Números das peças
99-41169 (5 fitas) 99-41369 (2 fitas)

Caprinos, ovinos e búfalos d'água

Escolha um dos testes abaixo de acordo com a amostra de sua preferência
 
Teste de prenhez no leite Alertys
Teste de prenhez Alertys para ruminantes 
Teste rápido de prenhez com leitura visual Alertys
Tipo de amostra

Leite

Sangue Sangue
Local do teste
Laboratório Laboratório

Na fazenda
Na clínica

Por intervenção do seu veterinário

Números das peças
99-41209 (5 fitas)
99-41519 (30 fitas)
99-41169 (5 fitas) 99-41369 (2 fitas)

Bisões
 

Escolha um dos testes abaixo de acordo com a amostra de sua preferência
 
Teste de prenhez Alertys para ruminantes 
Tipo de amostra
Sangue
Local do teste
Laboratório
Números das peças
99-41169 (5 fitas)

Quando testar seu rebanho

Diagnóstico inicial de prenhez

  • 28 dias após o cruzamento para vacas leiteiras, novilhas, gado de corte e cabras
  • 29 dias após o cruzamento para búfalos d’água
  • 60 dias após o cruzamento para ovelhas

Ao longo da gestação para confirmar o estado de prenhez

  • Todos

Confirmação da prenhez antes do período seco

  • Vacas e novilhas leiteiras
 

Por que usar testes baseados em amostras?

Utilize amostras de leite ou sangue para saber se suas vacas ou novilhas estão prenhes.

Os testes de prenhez Alertys utilizam amostras de sangue e leite para detectar glicoproteínas associadas à prenhez (PAGs), produzidas somente na presença de um embrião ou feto.

Complete list of species, sample types, and sensitivity for Alertys pregnancy tests

Avalie a saúde geral do rebanho

Um resultado negativo do teste de prenhez (vaca vazia) pode ser indicativo da presença de doenças.
 

Proteja seu rebanho contra doenças que afetam os índices de prenhez, como doença de Johne, Neospora caninum, vírus da diarréia viral bovina (BVDV), rinotraqueíte infecciosa bovina (IBR) e brucelose.

 
 Entre em contato com um representante da IDEXX para saber mais sobre os testes de prenhez Alertys.

Perguntas frequentes

  1. Identifique o tubo antes de coletar a amostra. Inclua a data e a identificação individual da vaca. É fundamental garantir que cada animal receba o tubo correto para não haver risco de erros nos resultados quanto ao estado da vaca.
  2. Com a ajuda de toalha ou lenços umedecidos, remova a sujeira e os resíduos das tetas. Verifique se o úbere está limpo e seco antes de iniciar a coleta.
  3. As amostras podem ser coletadas de cada quarto individualmente, ou como uma amostra composta coletada dos quatro quartos.
  4. Descarte alguns jatos de leite e retire a tampa do tubo ou frasco. Incline o tubo 45º em relação à extremidade da teta.
  5. Preencha três quartos do tubo ou frasco com leite de um ou mais quartos e reponha a tampa.
  6. Mantenha as amostras sob refrigeração até o envio para o laboratório.
  7. As amostras devem ser bem acondicionadas e mantidas refrigeradas durante o transporte (especialmente se não foram usados conservantes).
  1. Contenha a vaca; limpe o lado inferior da cauda com uma toalha de papel.
  2. Levante a cauda da vaca e meça uma distância de cerca de 7,5 cm (2 polegadas) a partir da base da cauda, mantendo-se no sulco entre as duas cristas ósseas. Esse é o local de coleta. 
  3. Insira a agulha externa no lado inferior da cauda, no local de coleta, a uma profundidade de cerca de 1,2 cm (0,5 polegada), mantendo a agulha perpendicular à cauda. 
    IMPORTANTE: A agulha externa deve ser mantida perpendicular à cauda. Não incline a agulha para cima, para baixo ou para os lados. 
  4. Empurre o tubo delicadamente até que a agulha interna perfure a tampa do tubo. O vácuo irá aspirar o sangue para dentro do tubo. Observação: se nenhum sangue aparecer, puxe a agulha externa de volta levemente (sem retirá-la da pele) e insira-a novamente em uma direção diferente até puncionar a veia.
  5. Quando no mínimo metade do tubo estiver preenchido, retire a agulha da veia e remova o tubo do suporte da agulha.
  6. Descarte a agulha e as tampas amarela/cinza em um recipiente para materiais perfurocortantes. O suporte da agulha pode ser reutilizado se não estiver danificado. 
  7. Verifique se o rótulo do tubo está limpo e seco; identifique o tubo com o número da amostra e a identificação da vaca. 
  • Para testes no leite: entre em contato com o laboratório regional de análise de leite ou com a sua associação de produtores de leite
  • Para testes no sangue: entre em contato com seu veterinário ou laboratório regional

Entre em contato com o laboratório regional ou com o representante da IDEXX mais próximo.

A maioria dos kits de teste necessita de um tubo de amostra para coleta de sangue ou leite.