Teste de anticorpo em soro para brucelose da IDEXX

Brucelose bovina

O teste de anticorpo em soro para brucelose da IDEXX permite a análise de amostras de soro ou plasma individuais e de agrupamentos de no máximo 10 amostras de soro ou plasma, com o mesmo processo e de acordo com os requisitos definidos no projeto de modificação da diretriz europeia (64/432/CEE, modificações do Anexo C com data de 21/03/2002). O kit realiza detecções em caso de sorologia individual em soro de referência internacional segundo a Organização Internacional das Epizootias (Office International des Epizooties international standard serum, OIEISS) com diluição de 1/150 em soro negativo e, em caso de agrupamentos de soros OIEISS, com diluição de 1/1500 em soro negativo.

* Disponibilidade/Distribuição: fora dos Estados Unidos. 

 

Entre em contato conosco

Detalhes do teste


Recursos

  • Amostras de soro ou plasma (individuais ou agrupamento de até 10)

Números e tamanhos das peças

P00450-5 (5 placas/bandas)
P00450-10 (10 placas/bandas)

Sobre a brucelose bovina

A brucelose em bovinos é uma doença causada pela Brucella abortus (B. Abortus),), uma bactéria intracelular facultativa. O principal modo de transmissão da doença é a ingestão de organismos de B. abortus que podem estar presentes em tecidos de fetos abortados, membranas fetais e fluidos uterinos. Além disso, pode ocorrer infecção como resultado da ingestão pelo gado de alimentos ou água contaminados com B. abortus. Também existem ocorrências de infecção em vacas através de transmissão venérea do organismo por touros infectados.

O aborto é a característica clínica marcante da doença. Se ocorre o desenvolvimento da condição de portadora na maioria das vacas infectadas de um rebanho, as manifestações clínicas podem ser a redução da produção de leite, morte de bezerros a termo e maior frequência de retenção de placenta. Em touros, a doença pode produzir infecções nas vesículas seminais e testículos, resultando em disseminação dos organismos no sêmen.

O diagnóstico baseia-se em procedimentos sorológicos (soro/leite) e bacteriológicos. Embora um achado bacteriológico positivo seja o diagnóstico definitivo, a obtenção dos resultados finais de cultura pode levar semanas. O sucesso da erradicação da doença depende da identificação rápida e precisa.



* Nem todos os produtos estão disponíveis e/ou registrados em todos os países.