Teste de antígeno do BVDV SNAP da IDEXX

Vírus da diarreia viral bovina (Bovine Viral Diarrhea Virus, BVDV)

O teste para antígeno (Ag) do BVDV SNAP da IDEXX ajuda a identificar bovinos infectados pelo vírus da diarreia viral bovina em apenas 20 minutos, a fim de impedir a propagação do BVDV. Através do teste em todos os bezerros recém-nascidos, reposições e touros, os veterinários podem ajudar os produtores a garantir a segurança de todo o rebanho e agregar valor de mercado.

Vendedores de bezerros submetidos ao teste para BVDV ganharam, em média, $10 a mais por cabeça em leilão, após o custo dos testes.1
 

* Disponibilidade/Distribuição: somente EUA/Canadá 

 

Entre em contato conosco

Detalhes do teste


Recursos

  • Amostras de soro ou tecido proveniente de incisão na orelha
  • Detecção de antígeno Erns
  • Resultados em 20 minutos

Números e tamanhos das peças

99-0004324 (10 testes/caixa) 
99-0003737 (50 testes/caixa)

Sobre o vírus da diarreia viral bovina (BVDV)

O vírus da diarreia viral bovina (BVDV) suprime o sistema imunológico da vaca, tornando-a suscetível a uma série de outras infecções. Por isso o BVDV é uma das doenças bovinas mais dispendiosas do mundo, com perdas de $15-$88 por cabeça relacionadas à redução da produtividade do rebanho, da saúde e da eficiência reprodutiva.1

O controle do BVDV requer a detecção e a remoção da fonte de infecção: dos bovinos persistentemente infectados (PI) que expõem continuamente outros animais à doença.

Como muitas vezes bovinos PI parecem saudáveis, um teste diagnóstico sensível e específico é essencial. Erros podem sair caro: seja a remoção de um valioso animal da produção ou permitir que um bezerro infectado permaneça no rebanho.

A determinação do status do rebanho é o primeiro passo para  se ter um rebanho livre do BVDV. A IDEXX possui um portfólio completo de testes para BVDV, incluindo ensaios laboratoriais baseados em  imunoadsorção ligados a enzima (enzyme-linked immunosorbant assays, ELISAs) para detecção de antígenos e anticorpos e testes rápidos SNAP  que podem ser usados diretamente pelo veterinário a nível de campo. O teste para BVDV PI X2 da IDEXX e o teste de antígeno do BVDV POC da IDEXX são licenciados pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (United States Department of Agriculture, USDA).

Exibir Testemunhos de veterinários em testes para BVDV.

A IDEXX recomenda um plano simples de gestão em três etapas

Keeping BVDV out of your herd

1

Determine a condição do seu rebanho com o teste para BVDV PI X2 da IDEXX em um laboratório local.

2

Teste todas as novas introduções ao rebanho utilizando o teste para Ag do BVDV SNAP® da IDEXX.

3

Trabalhe com seu veterinário para planejar um programa de vacinação e biossegurança.

Observação: a IDEXX recomenda o uso do teste para Ag do BVDV SNAP em conjunto com o seu laboratório local para vigilância de rebanho de grande volume, para determinar a condição do rebanho.


Teste para Ag do BVDV SNAP da IDEXX em ação

Veja como os testes para BVDV podem ser simples com amostragem proveniente de incisão na orelha.
 
Reduza riscos e aumente o retorno sobre o investimento (Return On Investment, ROI) com o teste para Ag do BVDV SNAP da IDEXX

Benefícios


Teste rápido, fácil e preciso para a detecção do BVDV.
 
Descarte a infecção pelo BVDV 
  • Teste todas as novas introduções ao rebanho — bezerros recém-nascidos, reposições e touros
  • Identifique animais persistentemente infectados (PI) no rebanho

Fácil execução
  • Tipos de amostra flexíveis (incisão na orelha ou soro)
  • Execução em fazenda ou clínica
  • O protocolo simples do teste utiliza a confiável plataforma SNAP® da IDEXX

Rápido. Resultados em 20 minutos
  • Diagnóstico preciso para recomendação de tratamento no mesmo dia
  • O teste para antígeno utiliza a tecnologia de ensaio de imunoadsorção ligado à enzima (enzyme-linked immunosorbent assay, ELISA)

Exatidão


Resultados confiáveis para amostras de soro e incisão na orelha

O teste para antígeno do BVDV SNAP da IDEXX é um teste altamente sensível e específico. Seu desempenho corresponde ao do teste para BVDV PI X2 da IDEXX amplamente usado.

Sensibilidade e especificidade

Instruções de uso/Recursos


Antes de iniciar

Permita que todos os componentes cheguem à temperatura ambiente (18-30 °C).

Procedimento de teste

Teste de incisão grande na orelha

Etapa 1

Coloque 1,5 ml do conjugado em um frasco contendo uma única amostra de incisão na orelha.

Etapa 2

Tampe o frasco e agite suavemente para embeber a amostra de incisão na orelha.

Etapa 3

Incube o frasco em temperatura ambiente (18-30 °C) por pelo menos 10 minutos (intervalo: 10-60 minutos).

Etapa 4

Despeje o conteúdo líquido do frasco no poço de amostra do dispositivo SNAP®.

Etapa 5

Quando uma coloração aparecer pela primeira vez no círculo de ativação (isso pode demorar 15-60 segundos), pressione firmemente para ativar. Você ouvirá um estalo peculiar. Observação: poderá permanecer um pouco de líquido no poço da amostra.

Etapa 6

Aguarde 10 minutos e, em seguida, leia os resultados (intervalo: 10-15 minutos).

Teste em soro

É necessário um dispositivo de aquecimento (como um bloco de aquecimento, banho-maria, etc.) capaz de manter uma temperatura de 45 +/- 5 °C

Etapa 1

Coloque 3 gotas (150 µl) da amostra de soro em um tubo de amostra; utilizando uma pipeta, coloque 6 gotas (200 µl) de conjugado no tubo de amostra.

Etapa 2

Tampe o tubo de amostra e inverta delicadamente 3-5 vezes para misturar.

Etapa 3

Coloque o tubo de amostra em um bloco de aquecimento e incube por 10 minutos a 45 °C (intervalo: 10-20 minutos).

Etapa 4

Despeje o conteúdo do tubo de amostra no poço de amostra do dispositivo SNAP.

Etapa 5

Quando uma coloração aparecer pela primeira vez no círculo de ativação (isso pode demorar 15-60 segundos), pressione firmemente para ativar. Você ouvirá um estalo peculiar. Observação: poderá permanecer um pouco de líquido no poço da amostra.

Etapa 6

Aguarde 10 minutos e, em seguida, leia os resultados (intervalo: 10-15 minutos).

Interpretação dos resultados

O ensaio é válido se:

Perguntas e respostas

Um teste de fácil utilização que detecta dentro de 20 minutos níveis elevados de antígeno do vírus da diarreia viral bovina (Bovine Viral Diarrhea Virus, BVDV) em amostras de soro e incisão na orelha. O teste baseia-se na mesma tecnologia de ensaio de imunoadsorção ligado a enzima (enzyme-linked immunosorbent assay, ELISA) usada nos testes SNAP® para práticas e laboratórios para pequenos animais.

O teste para BVDV SNAP é um teste altamente sensível e específico. Seu desempenho corresponde ao do teste para Ag do BVDV da IDEXX amplamente usado.

O teste para BVDV SNAP pode ser executado com grandes ou pequenas amostras de incisão na orelha ou soro. Recomendamos a escolha de uma amostra grande de incisão na orelha porque esse tipo de amostra fornece resultados em 20 minutos, sem qualquer interferência de anticorpos maternos. Consulte o folheto do produto para mais informações.

Os resultados positivos desse ensaio são válidos para bezerros de qualquer idade. Deve-se obter soro a partir de bezerros recém-nascidos pré-colostrais ou bezerros com mais de 3 meses de idade, a fim de se evitar que a presença de anticorpos anti-BVDV maternos interfira no teste para BVDV SNAP. Para mais informações, consulte o folheto do produto ou entre em contato com o Suporte Técnico da IDEXX.

Sim, a vacinação não é suficiente para eliminar o BVDV. Junto com programas de vacinação e biossegurança, o teste das novas introduções ao rebanho pode ajudar a impedir a propagação da doença.

É altamente improvável que o teste para BVDV SNAP detecte qualquer coisa diferente de uma infecção persistente (IP). Na maioria dos casos agudos, esperam-se que os níveis de antígeno do BVDV e a duração sejam menores do que em infecções persistentes. No entanto, a IDEXX encoraja a confirmação de um resultado positivo com um segundo teste, conforme descrito no folheto do produto— especialmente para animais de alto valor.

Recomendamos a abertura das bolsas de alumínio imediatamente antes do uso planejado. No entanto, uma investigação da IDEXX não apresentou diferença estatística de desempenho em relação a dispositivos SNAP® manuseados de acordo com o folheto do produto.

Sim, o teste para BVDV SNAP deve ser executado em todas as novas introduções ao rebanho, mediante partos ou reposição de novilhas. No entanto, a IDEXX recomenda o uso do seu laboratório local para testes de rebanhos de grande volume.

 

Recomendamos refrigerar a caixa após a chegada em sua clínica. Ligue para o Suporte Técnico da IDEXX para eventuais preocupações específicas.

O teste requer temperatura ambiente e um ambiente controlado. Condições como luz do sol em excesso ou chuva podem afetar a precisão do resultado. Sugerimos executar o teste em ambiente interno como, por exemplo, o escritório da fazenda ou sua clínica.

Não, no momento, o teste para BVDV SNAP não é compatível com nenhum leitor SNAP da IDEXX. Você deve ler os resultados visualmente

Não, tecidos fixados em formalina não podem ser usados para o teste para BVDV SNAP. A formalina destruirá o sinal do antígeno e resultará em um teste falso-negativo.

Não, o teste para BVDV SNAP é validado e aprovado pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (United States Department of Agriculture, USDA) para amostras individuais de incisão na orelha e amostras individuais de soro. O agrupamento de amostras resulta em perda de sensibilidade e produz resultados falso-negativos. Além disso, amostras de um conjunto com anticorpos neutralizantes também podem produzir resultados falso-negativos. Ao realizar testes em animais PI com BVDV, é importante não agrupar as amostras em nenhum teste.



* Nem todos os produtos estão disponíveis e/ou registrados em todos os países.

Referências

1. Where’s the value? Drovers CattleNetwork. http://www.cattlenetwork.com/drovers/Wheres-thevalue-195684561.html Acesso em 4 de setembro de 2013

2. Dados em arquivo na IDEXX Laboratories, Inc., Westbrook, Maine, EUA.